Você quer brincar na neve?

Muitas pessoas que moram em países tropicais tem o sonho de ver neve. Gostariam de imitar os filmes, onde constroem iglus, fazer bonecos gelados e se divertem com uma guerrinha de bolas com os vizinhos. É um misto do otimismo do Olaf, de Frozen, e as desventuras do Diário de um Argentino em Toronto. Mas seja com qual motivação for, vale a pena brincar com a neve e se divertir um pouco com o inverno abaixo de -1º.

Uma brincadeira comum na neve é esculpir bonecos, usando o que tem ao dispor, como galhos secos e objetos velhos; a fórmula base é fazer três grandes bolas e colocar uma sobre a outra. Também há a opção da famosa guerra de bolas de neve, incluindo a feitura dos muros de proteção; contudo exige mais participantes. Construir uma casinha gelada é também interessante, mas mais complicado – já que os iglus geralmente são de blocos de gelo. Outra diversão é formar um rolo de neve e empurrar por grandes distâncias e vê-lo crescer a cada metro que se desloca. Se forem usados adereços, como trenós, patins e esquis, a lista se torna gigantesca de boas atividades.

Um ponto importante a ser destacado é que para brincar com a neve ela não pode estar derretendo ou empedrado – quando ficou líquida e volta a congelar. O ideal é quando recém caiu: estando fofa é possível tanto moldá-la como atira-la um no outro sem se machucar.

Parque Olímpico de Munique.

Lembre-se de estar bem agasalhado, principalmente nas mãos e nos pés. Em muitos casos não se dá bola à temperatura das extremidades do corpo e podem ocorrer acidentes ou dores, produto das baixas temperaturas. Sair de um espaço fechado, com aquecedores de ambiente, pode dar a impressão de que do lado de fora o clima não está tão frio, o que não corresponde à verdade. Precisa-se brincar com responsabilidade.

One thought on “Você quer brincar na neve?”

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Você pode usar as seguintes tags HTML e atributos:

<a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>